Winners Porto7 8th edition

Onde o rio se junta ao mar.

Entre as muralhas e no lugar que o cinema merece, um altar.

Terminou a 8ª edição do Porto7 – Festival Internacional de Curtas-metragens do 
Porto que decorreu no Forte de S. João Baptista da Foz entre 10 e 14 de Junho.
 Ao longo dos cinco dias de festival foram exibidas 51 curtas-metragens 
seleccionadas para competição num universo de mais de 500 inscrições oriundas de 
todo o mundo.
 Das 51 curtas-metragens em competição, 37 eram estreias nacionais, 5 estreias 
europeias e 6 estreias mundiais.
 17 Países representados com obras de ficção a disputarem esta competição de 
ficção, animação, documentário e videoclip.
 O Porto7 teve no total 8 sessões competitivas distribuídas por duas sessões 
diárias.

 O Festival Internacional de Curtas-metragens do Porto não é só competição.
 As sessões especiais durante a tarde do dia 11 no Teatro da Vilarinha foram 
dedicadas às crianças em idade escolar primária.
 Estas sessões foram bastante didácticas, com grande interacção entre a jovem 
audiência e o festival. A abordagem cinéfila que foi proporcionada a estas crianças
despertou interesses nas mesmas levando-as a colocar diversas questões sobre os 
temas e técnicas (prontamente esclarecidas), assim como comentar os filmes.

 Dia 12, também no Teatro da Vilarinha mais uma vez o Porto7 proporciona nova 
sessão não competitiva, exclusiva e dedicada neste caso à população sénior.
 Uma grande audiência com muito interesse em ver curtas-metragens, bastante 
curiosidade sobre os temas apresentados e uma crescente boa disposição ao longo das
projecções.
 Após uma apresentação inicial, no final do filme era estabelecido um diálogo entre 
a audiência do Porto7 e a direcção deste festival.
 Ainda dentro das sessões não competitivas no Forte de S. João Baptista da Foz, 
no sábado de tarde, dia 14 foi exibida uma mostra do 2º Festival Brasileiro de 
Nano-metragem (filmes com o tempo máximo de 45 segundos).
As noites do Porto7 (After festival) após as 24h foram complementadas com a 
competição de videoclip e com concertos musicais.
 Na noite de dia 12, sexta-feira, a actuação de Dom Rubirosa com um excelente 
projecto experimental em estreia foi o ponto alto do After Festival. O Forte foi 
invadido de sons melódicos e ritmados até bem tarde.
 A noite de sábado dia 13 os tons musicais foram de Rock Vintage. A banda FullSteam
apresentou-se com toda a sua energia e abanou com as pedras centenárias que 
constituem o Forte de S. João Baptista.
Na noite de domingo e após as 8 sessões competitivas diárias no Forte de S. João 
Baptista da Foz na Foz do Douro, o Porto7 anunciou as decisões do Júri e entregou 
os prémios das respectivas categorias aos realizadores presentes. Antes do 
encerramento do Festival Porto7 foram ainda projectados os filmes vencedores.
A Direcção do Porto7 fez um balanço positivo do evento e salientou; "...é um grande 
desafio para toda a equipa fazer um festival de cinema neste local. Este desafio é 
superado pelo prazer de oferecer às pessoas interessadas em enriquecer 
culturalmente, histórias muito interessantes de quase todo mundo e ao mesmo tempo 
levar ao mundo inteiro um edifício com 445 anos cheio de História. Somos quase de 
certeza o festival de cinema em Portugal com o auditório mais antigo...".

Todas as actividades do Festival Porto7 foram de entrada livre.
Diariamente o Festival Porto7 disponibilizou o transporte gratuito do centro da 
cidade para a Foz do Douro onde decorreu o festival.

Os Filmes Premiados pelo Júri do Festival Porto7

Na secção de Ficção Internacional, o Prémio FICP - Melhor Curta de Ficção 
Internacional - foi atribuído ao filme “Flash” do realizador espanhol Alberto Ruiz 
Rojo. Trailer
FLASH Winner 8ed
Os realizadores Rui Neto e Joana Nicolau vencedores do prémio "Sophia Estudante 
2015" com o filme "Bestas" produzido na Universidade Lusófona foram os vencedores
da competição de Ficção Nacional. Trailer
Bestas winner web
A melhor Animação teve dois vencedores, "Foi o fio" de Patrícia Figueiredo (Trailer)Foi o fio web
e "Shades of Gray" da multi-premiada realizadora Russa Alexandra Averyanova.Trailer
shades web
Na competição de Documentário, Mário de la Torre foi o vencedor com "Hacia una 
Primavera Rosa". Um documentário sobre a comunidade LGBT no mundo árabe. Trailer
Hacia una primavera web
O Melhor Argumento foi atribuído ao filme "Ants apartment" realizado pelo Curdo 
Tofiq Amani. Uma excelente obra de ficção sobre o tema dos massacres de Saddam 
Hussein.
Ants apartment web
O Prémio para a Melhor Interpretação foi atribuído ao Actor Emílio Gavira em "Nada 
S.A." Trailer
63825_01
e à Actriz Teresa Manolo Linares em "La Mujer Asimétrica”.
24601_01
Na Competição de Videoclip o vencedor foi “After December” realizado pelo colectivo
We Are Plastic Too e interpretado por You Can't Win, Charlie Brown. Videoclip
YCWCB_web

Menções Honrosas atribuídas pelo júri.

Ficção Internacional - “Los Huesos del Frio” Realizado por Enrique Leal. Trailer
LOS HUESOS DEL FRÍO web
Ficção Nacional – “Margem” realizado por Miguel Pereira. Trailer
MARGEM web

Menções Honrosas atribuídas pela direcção do Festival

Ficção Internacional – “Sweetheart” Co-produção Alemanha / EUA, realizada pelo 
alemão Miguel Angelo Pate. Trailer
SH_web
Animação – “Bendito Machine V” do realizador chileno Jossie Malis. Trailer
bendito machine web
Videoclip – “Andante” realizado por Hugo Morais e José Leal. Interpretado por 
Dom Rubiroza. Videoclip
andante web

forte web


by Porto7 / Junho 17, 2015
categories: Festival- tags: , ,

Os comentários estão fechados.

 
Calendário
Agosto 2017
S T Q Q S S D
« Jun    
 123456
78910111213
14151617181920
21222324252627
28293031  
Arquivos